Combata a depressão e a ansiedade agora

A nossa mente pode ser comparada a um imenso oceano. Na superfície deste oceano nós encontramos ondas bem agitadas, que comparamos com a turbulência dos pensamentos.

Uma mente agitada é um oceano revolto. Ao praticar a Meditação Transcendental, de forma muito simples e natural, no período de 20 minutos durante duas vezes ao dia, você vai acalmar a agitação deste oceano.

Nos dias atuais as pessoas querem resultados rápidos e a MT consegue, sim, atender a essa demanda, justamente porque ela age diretamente na causa.
Interessante, não é?

No texto de hoje, vamos explicar sobre:
– Como a experiência da transcendência pode auxiliar na redução dos transtornos de ansiedade e depressão de forma natural;
– Quais os riscos do uso de alguns medicamentos antidepressivos que aliviam os sintomas da depressão de forma artificial;
– Como a MT ativa o poder de cura do seu corpo de da sua mente e pode auxiliar no tratamento dessas doenças.

Vamos juntos?!

Ansiedade

A ansiedade, tão conhecida por todos, pode ser tratada com terapias convencionais como a psicoterapia e o relaxamento.

Porém, apesar de serem técnicas muito eficientes, elas só conseguem atingir o nível superficial da mente.

A experiência da transcendência possibilita a mente ser conduzida para estágios mais profundos, ativando o poder do próprio corpo e da mente de curar-se espontaneamente, se livrando aos poucos das tensões mais fortes, causadoras do estresse e responsáveis pelo desenvolvimento da ansiedade.

Quando as mudanças acontecem?

As maiores mudanças na diminuição do nível de ansiedade ocorrem já nas primeiras semanas da prática da MT. Mas é importante ressaltar que quanto maior o tempo de prática da técnica maiores serão os benefícios alcançados.

Recentemente foi publicada uma pesquisa de 16 estudos muitos respeitados sobre a eficácia da MT.

Foram 1.295 pessoas participando e o que chamou a atenção foi a grande redução da ansiedade nessas pessoas, que possuíam um nível muito elevado do transtorno.

Indivíduos que possuíam o nível de 90% na escala da ansiedade obtiveram um progresso de 57% após praticarem a MT.

mt-e-ansiedade-1

Fonte: meditacaotranscendental.com.br/anxiety/

Depressão

A depressão trata-se de um distúrbio afetivo que atinge a humanidade ao longo de toda história e cada vez mais tem atingido um número maior de pessoas. É extremamente importante tanto o diagnóstico, como o acompanhamento médico para o tratamento da doença.

Há inúmeras pesquisas que mostram as alterações químicas que ocorrem no cérebro de uma pessoa deprimida.

Essas alterações estão ligadas aos neurotransmissores (serotonina e noradrenalina), que são substâncias que transmitem impulsos nervosos entre as células.

Alguns medicamentos antidepressivos prometem aliviar os sintomas desagradáveis, regulando, de forma artificial, os níveis dessas substâncias.

O problema é que, ao mesmo tempo em que esses remédios aliviam os sintomas, acabam acarretando uma série de efeitos colaterais nos pacientes, como: dores de cabeça, insônia ou sonolência, agitação, constipação e problemas sexuais.

Como a MT atua nos sintomas?

Com a prática da MT, a experiência de transcender ativa o poder de cura do corpo, acarretando o funcionamento normal do cérebro, e fazendo com que ele se restabeleça ao seu estado natural novamente.

E o melhor de tudo: sem nenhum efeito colateral.

Com a prática contínua, muitos relatam uma melhora significativa nos sintomas da doença.

Algumas pesquisas divulgadas ainda revelam o aumento na produção da serotonina (o hormônio da felicidade) no princípio da prática da técnica e, como consequência, ao longo do dia, após os 20 minutos da meditação.

mt-e-depressao-1

Fonte: meditacaotranscendental.com.br/depression/

O aumento da serotonina é um sinal direto de estarmos completamente conectados com a fonte interior de felicidade que reside em todos nós.

Quer mais motivos para começar a praticar a MT? CLIQUE AQUI e agende uma aula introdutória gratuita. 🙂